terça-feira, 3 de setembro de 2013

CAPONATA DE BERINJELA


Nunca fui muito fã de BERINJELA, mas preparada desta maneira, eu adorei! Fiz a minha Caponata com alguns dos ingredientes indicados nas receitas, só que no forno. A maioria delas é preparada na panela, refogando. Aqui, o trabalho é apenas de picar os legumes e mexer algumas vezes enquanto estiver assando. Inúmeros são os ingredientes que aparecem nas receitas e você pode variar ou utilizá-los de acordo com o seu gosto pessoal ou com o que tenha em casa. Não pode faltar, além da berinjela, a cebola, o alho, o tomate, o vinagre (prefiro o balsâmico) e o azeite de oliva. Gosto de usar passas, pimentão, abobrinha, aipo, pinoli, nozes ou amêndoas, alcaparras, azeitonas ou o que a minha imaginação sugerir no momento. Cabe a cada um compor a sua receita.

Uns dizem que a Caponata surgiu na Sicília mas há os que sustentam que sua origem seja espanhola. É uma versão italiana do Ratatuille francês. Pode ser servida quente ou fria (fica melhor), como entrada, em saladas ou em bruschettas, sobre um pedaço de pão.

A BERINJELA é um alimento muito recomendado por suas propriedades benéficas para saúde. É considerada uma alimento funcional, ou seja, além da função nutricional possui compostos biologicamente ativos atuando positivamente na saúde, prevenindo doenças crônicas degenerativas e envelhecimento. É rica em fibras, ajudando no controle da diabetes, no funcionamento intestinal e prevenindo os cânceres de intestino. Atua na melhora dos níveis de colesterol por vários mecanismos além da diminuição de sua absorção. Rica em ácido clorogênico, ácido fenólico, flavonoides que são antioxidantes e previnem doenças cardiovasculares e cânceres. As antocininas da casca, que dão a cor escura, são importantes na diminuição da produção dos radicais livres. Ainda são ricas em vitaminas do complexo B e sais minerais.

Todos os componentes desta receita são saudáveis e muitos também são alimentos funcionais. Os tomates, por seus carotenoides (licopeno), são antioxidantes;  os óleos e sementes, pelos fitoesteróis, têm propriedades de diminuir o LDL-colesterol (dito colesterol ruim); as alcaparras,  pelos glucosinolatos, atuam na detoxificação do fígado, tem atividade anticancerígena e antimutagência. O alho é apresentado como importante na prevenção de úlceras gástricas, diminuição de tumores de estômago e cólon, diminuição de LDL colesterol e controle de pressão arterial.

Além de saudável, a receita é fácil de preparar e muito gostosa!

RECEITA:

Ingredientes:

1 Berinjela média picada
2 tomates picados em cubos
2 cebolas pequenas picadas
2 dentes de alho espremidos ou picadinhos
1 pimentão vermelho (opcional) picado
1 talo de salsão ou aipo (opcional) picados em cubinhos
3 colheres de sopa de uva-passa (opcional)
2 a 3 colheres de sopa de aceto balsâmico
6 a 9 colheres de sopa de azeite de oliva extravirgem
sal e pimenta moída na hora

Preparo:
Picar todos os ingredientes escolhidos.
Misturar tudo com aceto balsâmico e azeite de oliva
Temperar com sal e pimenta moída na hora
Levar para forno à 160 – 180° C, em pirex coberto com papel, alumínio,  por cerca de 40 minutos. Durante o cozimento, misturar o conteúdo do pirex por três vezes.
Servir quente ou frio, como entrada, acompanhamento, na salada ou sobre um pedaço de pão.

Guardado na geladeira tampado, dura até uma semana.

8 comentários:

fernanda garcia disse...

Ana,
Vou tentar fazer e depois te digo como ficou!
Beijos,
Fernanda

Ana Teresa Londres disse...

Foi mais fácil fazer o comentário?
bjs

Allmemories disse...

Bem fácil!
Adoro berinjela!
bjs

fernanda garcia disse...

Bem mais!

Léia disse...

Oi Ana Teresa, eu adoro berinjela, mas ela feita assim fica muito saborosa.Adorei.Beijos.

Allmemories disse...

Ficou muito bom!

ganhar mais curtidas disse...

Muito legal o post^^

Aline França disse...

Acabei de fazer e ficou um espetáculo! Super recomendo =)